You are currently browsing the category archive for the ‘divagaçoes’ category.

e ai ? vamos para Meca, baby ??

realmente aqui tem a maior quantidade de malucos que ja vi na vida. E olha que ja vi e convivi com muitos. Mas ontem mesmo, em pleno late night no trabalho entra uma figura pedindo ingressos pra ver Where the Wild Things Are. Eu disse que tinha sim um cinema nas redondezas, mas que ele era no proximo quarteirao. Mas a menina insistia. Que queria comprar um ingresso na promocao de U$ 2. Eu disse que o restaurante nao tinha nenhum convenio ou estava participando de promocao para baratear o ingresso. A Patricia, uma das garconetes ainda insistiu, dizendo que ali era um restaurante, que vendia apenas comida e bebida, nao ingressos para o cinema. Foi quando eu percebi que a menina ficou nervosa, desistiu e tirando uma nota de U$ 2 disse pra ficar pra mim. Eu disse que nao, o dinheiro era dela. Ela virou e foi embora. Foi a noite que ganhei minha primeira tip, do nada. Dizem que a nota de U$ 2 e maldita. A Patricia disse que era para eu jogar na loto ou comprar uma raspadinha. Poderia ser minha sorte. Eu to aqui, olhando pra nota ainda sem entender nada.

a dica vem de um ex…e funciona !! quando tiver se sentindo assim..meio down…va ler um livro…to ensaiando aqui pra começar o meu

Ja falei aqui do filme e so fui ver nessa semana. Com o cinema do lado do trabalho e mais facil se programar pra ver algo antes de bater o ponto. E eu realmente tava afim de ver o documentario. Mais do que uma ode a Anna Wintour, The September Issue mostra os bastidores da Vogue na sua principal ediçao, a de setembro. O ano da industria da moda aqui começa agora. E o tamanho da revista e realmente de assustar, sao 584 paginas. Isso mesmo. Quando comprei a minha, brinquei que se tacasse na cabeça de alguem com raiva, podia matar.

Desde que cheguei venho tentando acompanhar o mercado editorial norte-americano. Sempre fui louca por revistas. Cheguei ao cumulo de gastar uns U$ 50 so em revistas no primeiro mes por aqui. Comprei todas e ja de cara descobri minhas favoritas. E descobri que eram poucas.

As revistas sao de matar. De ruim ! A diagramaçao muitas vezes da vontade de chorar e os editoriais de moda, nem me fale. E eu achando que as revistas no Brasil eram uma porcaria. Mas tente ler a Elle ou a Marie Claire aqui e voce vai entender o que eu to falando. Nao a toa a Vogue se destaca entre elas. Mas ca entre nos, acho a Vogue tupiniquim mais glamurosa, apesar de todo mito ao redor de Anna Wintour. Pra mim o melhor da Vogue daqui sao os anunciantes. Da pra ver a Madonna na campanha da Louis Vuitton, a Raquel Zimmerman na do Giorgio Armani e ainda tem Oscar de La Renta, Dior, Miu Miu, Gucci, Yves Saint Laurent, Fendi, Dolce & Gabbana, Chanel, Hermes, Prada, Marc Jacobs, Valentino e Moschino numa unica ediçao !

Voltando ao filme, confesso que nao achei ela assim, o diabo vestindo Prada. Ja conheci pessoas muuuuuito piores. E muito mais crueis. O documentario so serviu pra mostrar uma editora extremamente profissional. Tudo bem, ela nao e um docinho, mas sabe do que esta falando. Nem mesmo Mario Testino escapou dela. Mas vamos confessar que as fotos dele nao eram la tao boas comparadas aos editoriais de Grace.

E na maioria das vezes era isso mesmo que me incomodava no mundinho da moda. Porque fulano tem tal nome, o trabalho dele vai ser impecavel. Jura. Nesse ponto eu concordo com a dica que a Grace Coddington, diretora criativa, da para um dos amigos de Vogue. Nao seja tao bonzinho. Nem mesmo comigo. OK. O trabalho tem que ser um ambiente salutar de convivencia, mas isso nao quer dizer que temos que agir como um jardim da infancia onde somos todos amiguinhos e vamos junto comer lanchinho. Ja tive pessimas experiencias no trabalho ao misturar amizade e coisa seria. Hoje estou aprendendo a separar e ser o que o trabalho me exige, profissional.

Tudo isso pra dizer que vendo o documentario me deu uma imensa vontade de trabalhar numa revista seria, que esta tentando sempre melhorar, mesmo que tenha que refazer uma sessao de fotos a um dia do fechamento.

Ah, e as brasileiras estao com tudo. Deu pra ver que Anna adora Raquel Zimmerman e Caroline Trentini.

Se voce gosta de moda, va assistir The September Issue.

quase todos os dias por la e via sempre ele. Branquinho, olhos meios puxados e o que me intrigava era sua cara de lobo. Nao sei se porque ele sempre tava numa posiçao de alerta, com a boca aberta. Todo dia que pegava carona com alguem e passava pelo campo da Harvard eu pensava nesse cachorro. Ate comentei isso um dia com meu primo. Achava que era coincidencia: toda vez que eu passava, ele estava por ali. Um dia comentei com minha mae. E ela: Francine, e uma estatua. E eu: ai mae, que mane estatua. Ate que um dia passei por ali num dia de chuva. O campo cheio de gansos, eu pensei, ai meu Deus, se ele estiver por ali vai ser a festa. E ele estava. Parado. No mesmo lugar. Na mesma posiçao de ataque. Sim. Era uma estatua.

to começando a correr ! hoje mesmo eu corri pra pegar o onibus pra ir trabalhar…e na volta….eu corri de novo…e quase fico na mao ! Thunder, me aguarde ! vou voltar uma corredora nata ! ra !

do distanciamento e que voce consegue enxergar com maior clareza. Voce começa a distinguir melhor as coisas, quem e quem e vai aprendendo…que maravilha !

ver o funeral do Ted Kennedy em todos os canais…TV aberta sucks em qualquer parte do mundo !

que sou para-raio de maluco. Entao vou dividir mais uma perola de ontem a noite. Estou eu no trabalho, que foi puxadissimo ontem a noite e eis que surge a figura. Um desses mendigos da vida. Daqueles que voce bate o olho e diz, maluco. Pois bem. Ele entra no restaurante. Estou eu na recepçao com mais duas hostess. E a mais escondida, pois estava tomando meu copao de agua. Ele me olha bem e vem reto na minha direçao. Para e pergunta: voce tem celular ? Eu sem pensar muito: nao ! ele entao poe a mao no bolso, tira um aparelho e me diz: quer um ? Fiz a louca, virei e deixei ele falando com uma das minhas colegas. A menos simpatica. To bem. Ganhando celular de louco na noite. Gatinho perguntando se tenho celular nao aparece !

mas odeio com toda força….so queria deixar isso aqui registrado para nao esquecer depois…e se voce tem um celular da Vivo, migre neste instante para outra operadora….pois e o que eu vou fazer assim que botar os pezinhos no Brasil….odioooooooooooooo